Agende sua avaliação
contenção fixa

Contenção fixa: saiba por quanto tempo usar!

Tempo de leitura 6 min

Praticamente todo mundo que passa por um tratamento ortodôntico se pergunta sobre quanto tempo usar aparelho. Mas você sabia que, após a retirada do dispositivo, é preciso utilizar ainda, uma contenção fixa?

Trata-se de uma etapa fundamental para garantir bons resultados estéticos e funcionais ao paciente, evitando novos problemas de crescimento e desenvolvimento das arcadas.

Pensando nisso, este conteúdo mostra o que é o aparelho de contenção fixa, por que seu uso é recomendado, quais são as contenções fixas mais comuns e como se diferenciam do dispositivo móvel.

Por fim, o material explica quanto tempo se deve usar a contenção fixa e quais são os cuidados para manter o tratamento funcionando corretamente.

Continue a leitura e aprenda mais sobre esse assunto!

O que é o aparelho de contenção fixa?

aparelho de contenção é a última etapa do tratamento ortodôntico. O motivo é que, após a retirada do aparelho fixo, é utilizada a contenção para que os dentes permaneçam alinhados e não retornem à posição original.

Nesse sentido, existem dois tipos de aparelho de contenção, a fixa e a removível. A versão fixa é constituída por um fio de aço que fica presa na superfície interna dos dentes, não gerando comprometimento estético.

Como se diferenciam o aparelho de contenção fixa e o móvel?

Para quem está se perguntando sobre a diferença entre as contenções fixa e móvel, vale compreender que o aparelho de contenção fixa é colocado, geralmente, no arco inferior do paciente, uma vez que esse local é mais propício a apresentar movimentação dentária após o uso de um dispositivo ortodôntico.

Por outro lado, a contenção móvel ou removível é indicada para o arco superior, facilitando a remoção da peça quando o paciente for se alimentar ou realizar algum exercício físico, por exemplo.

Qual é a vantagem da contenção fixa em relação à móvel?

Você já sabe que existe uma diferença entre a contenção fixa e a móvel, mas existe algum benefício de um dispositivo em relação ao outro?

Na verdade, a contenção fixa tem uma grande vantagem sobre o aparelho móvel, já que, no primeiro modelo, é possível passar o fio dental sem precisar do auxílio do passa fio. Sendo assim, não existem desculpas para negligenciar essa importante etapa de higiene bucal.

Quais são os tipos mais comuns de contenção fixa?

A contenção fixa ajuda a manter os resultados estéticos e funcionais na boca após o tratamento com o aparelho ortodôntico, mas você sabe quais são os principais tipos de contenção fixa?

Listamos aqui:

  • contenção fixa plana: usada para tratar a instabilidade nos dentes da arcada, especialmente entre os caninos da arcada inferior. Na arcada superior, é indicada, em geral, para os dois ou os quatro dentes da frente;
  • contenção fixa modificada: também conhecida como higiênica ou ondulada, com dobras que facilitam a passagem do fio dental, melhorando a higiene bucal após o consumo de alimentos;

Existem outros aparelhos de contenção, como a placa de Hawley (removível), com um apoio de acrílico para o palato e grampos para fixação nas arcadas, e a contenção de acetado (também móvel), bastante similar às placas usadas no tratamento de clareamento dental.

No entanto, para saber qual é o melhor modelo para o seu caso, é necessário contar com o diagnóstico e a indicação de um profissional.

Por que o aparelho de contenção é importante?

A etapa de contenção é extremamente importante para garantir os resultados do tratamento ortodôntico.

Após a retirada do aparelho fixo, a tendência é que os dentes voltem a se movimentar e retornem à posição inicial. Isso acontece porque as fibras periodontais e ósseas são elásticas e têm memória.

A contenção, portanto, oferece uma resistência que impede a movimentação, mantendo os resultados do tratamento e reeducando o organismo, para que ele entenda que essa deve ser a nova disposição natural dos dentes.

Por quanto tempo usar o aparelho de contenção fixa?

Uma dúvida bastante comum sobre os aparelhos de contenção é quanto ao período necessário de utilização. Contudo, não existe uma resposta definida. O tempo de tratamento varia caso a caso, e é importante que seja acompanhando pelo dentista.

Em média, as contenções móveis costumam ser usadas por um ano. Já os modelos fixos têm um período de uso indeterminado.

Atualmente, é comum que os dentistas recomendem a contenção fixa pelo maior tempo possível, realizando apenas trocas, e não a remoção completa.

Por fim, há casos de alguns pacientes que chegam a utilizá-las pelo resto da vida. Sendo assim, a dica é questionar seu dentista sobre o tempo planejado de uso e comparecer às visitas regularmente.

Quais cuidados devem ser tomados com a contenção fixa?

As contenções fixas são presas na face interior dos dentes, por isso, ficam praticamente imperceptíveis. Contudo, elas também precisam de cuidados, e é importante seguir todas as recomendações indicadas pelo dentista para não sofrer com imprevistos.

• Enquanto a contenção móvel deve ser retirada da boca durante a alimentação, a contenção fixa entra em contato com os alimentos, que podem ficar grudados na estrutura e aumentar a proliferação de bactérias na boca, levando ao surgimento de tártaro (enrijecimento da placa bacteriana) e cárie, por exemplo.

• Para evitar um quadro clínico mais grave, devido à multiplicação de micro-organismos na boca, a recomendação é usar a escova interdental, boa opção para a higienização dos espaços entre o aço da contenção e os dentes.

•Deve-se evitar alimentos de consistência muito dura ou que causem o movimento de alavanca na mordida.

• Além de manter a higiene bucal em dia, pacientes que fazem uso de contenção fixa devem procurar a clínica odontológica periodicamente, para que o cirurgião-dentista examine a cavidade oral, identificando se a movimentação dentária segue estável ou se novos problemas ortodônticos estão previstos. Assim, o paciente mantém o sorriso harmônico e previne doenças na boca.

Neste texto, você compreendeu quanto tempo usar aparelho de contenção e, principalmente, descobriu por que a contenção fixa é uma etapa fundamental do tratamento ortodôntico, devendo ser utilizada de forma correta para garantir bons resultados e evitar a movimentação dos dentes.

Agora que você já conhece tudo sobre a contenção fixa, descubra outros 6 tipos de aparelho ortodôntico que podem ser utilizados!

será que eu preciso de aparelho

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

3 Comentários

  1. Eu queria saber o valor da contenção?

    1. A contenção é 250,00 a superior e 250,00 a inferior na odontocompany.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.