tártaro

Afinal, o que causa o tártaro? Veja aqui!

Tempo de leitura 4 min

Você sabe o que causa o tártaro? Bom, essa é uma dúvida de diversos pacientes e as razões para o surgimento do problema são diversas.

O tártaro não é necessariamente uma doença bucal, mas contribui para algumas patologias graves, como a periodontite.

Além disso, ele pode ainda pode prejudicar a estética de seu sorriso e, ao contrário da placa bacteriana, não é removido com uma boa escovação e uso do fio dental.

Neste post, você vai entender o que é o tártaro, suas causas e como prevenir e tratar o problema. Acompanhe!

O que é tártaro?

Também conhecido como cálculo dental, o tártaro é uma massa endurecida de cor amarelada que se forma na superfície dos dentes. O problema pode surgir na parte visível dos dentes ou na parte abaixo da gengiva. No último caso, o paciente não consegue identificar se tem tártaro ou não.

O que causa o tártaro?

A má higiene bucal é uma das principais causas do acúmulo do tártaro. Quando o paciente escova os dentes de forma errada, a boca fica cheia de resíduos alimentares, que formam a placa bacteriana.

Se ela não for devidamente removida, endurece, dando origem ao tártaro, que uma consequência da calcificação da placa bacteriana.

No entanto, problemas como a boca seca também contribuem para o surgimento do tártaro, porque a saliva é responsável por manter a boca livre de bactérias, responsáveis pelo cálculo dental. Então, quando a produção diminui, o “terreno fica fértil” para o aparecimento da disfunção.

Quais são as consequências do tártaro?

Quando o tártaro não é removido, as bactérias continuam se multiplicando, o que aumenta a produção de substâncias ácidas e tóxicas. Então, os problemas começam a aparecer. O mais comum é o sangramento nas gengivas, que é consequência da inflamação nos tecidos.

A dor de dente e o mau hálito ocorrem muitas vezes por causa do acúmulo de cálculo dental. Caso o tártaro não seja removido, ele ainda pode ocasionar a periodontite, doença grave que pode ocasionar a destruição dos ossos alveolares que sustentam os dentes.

Como tratar o problema?

Somente o dentista pode remover o cálculo dental. Para realizar essa tarefa, o profissional faz uma raspagem ou limpeza profunda, removendo a placa bacteriana e evitando o acúmulo de tártaro. O procedimento depende da quantidade de tártaro e do local onde está acumulado.

O tártaro supragengival, que fica na superfície dentária, é mais fácil de ser removido. Para isso, são utilizados instrumentos manuais como extratores de tártaro e ultrassom.

Para o tártaro que fica abaixo da gengiva, a remoção é mais delicada e exige raspagem. Nesse caso, o profissional faz uso de curetas.

Como evitar o aparecimento do tártaro nos dentes?

Agora que você já sabe o que causa o tártaro, está na hora de descobrir como evitar o surgimento desse incômodo. Para manter seu sorriso longe desse problema, basta caprichar na higiene bucal. Então, escove os dentes pelo menos três vezes por dia e utilize o fio dental diariamente.

Além disso, a limpeza deve ser complementada com um enxaguante bucal recomendado pelo seu dentista, pois o produto ajuda a eliminar as bactérias existentes na boca.

Ter uma alimentação rica em açúcar também contribui para o aparecimento do tártaro. Então, aposte em alimentos naturais e saudáveis.

Por fim, visitar o dentista pelo menos uma vez ao ano é essencial para manter uma boa saúde bucal. Já que, o profissional realiza uma limpeza profunda, removendo a placa bacteriana e evitando o acúmulo de tártaro.

Como você viu, o que causa o tártaro são maus hábitos que podem ser facilmente mudados. Atitudes simples e básicas, como cuidar da alimentação e ficar atento à higiene bucal, já são suficientes para evitar o problema.

Então, cuide de seu sorriso, pois ele é um de seus bens mais preciosos e ter dentes bonitos é essencial para sua autoestima e qualidade de vida.

As informações deste post foram interessantes para você? Então, que tal agora descobrir como evitar tártaro na contenção ortodôntica?

será que eu preciso de aparelho

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.