Preço do dentista: saiba quando ele é justo

Tempo de leitura 6 min

O preço do dentista pode variar bastante, mesmo quando o tratamento é o mesmo. Isso se deve a diversos fatores, mas é importante ressaltar que, na hora de cuidar de sua saúde bucal, é essencial procurar por profissionais qualificados.

Se você escolher um dentista apenas pelo preço, pode ter problemas, pois um profissional não qualificado não vai fazer o tratamento adequado. Nesse caso, você perde seu dinheiro e ainda põe sua saúde bucal em risco. No entanto, pagar mais caro não garante um serviço de qualidade.

Para escolher um bom profissional e saber se ele cobra um preço justo, é importante analisar alguns fatores. Vou citar a seguir quais são eles!

Complexidade do tratamento

A complexidade do tratamento é um dos fatores que mais influenciam no preço do dentista. Isso porque é exigido do profissional mais conhecimento, além de materiais específicos, que são mais caros. Mas não é só isso! Pacientes com quadro de saúde delicado e complicações pós-tratamentos também pedem mais atenção, o que encarece o procedimento.

A técnica empregada também influencia no valor final do tratamento. Vou dar um exemplo simples: se você quer fazer um implante, mas não tem osso suficiente para suportar o pino de titânio, será necessário um enxerto ósseo, que, além de exigir mais habilidade, tempo e conhecimento do dentista, ainda vai pedir mais tempo para ser realizado.

Por isso, um mesmo tratamento — que nesse caso é o implante — tem variações de preço, dependendo da complexidade do caso.

Formação do profissional

As horas dedicadas aos estudos são fatores que influenciam no preço de dentista. Então, o profissional cobra pelos conhecimentos adquiridos ao longo dos anos de graduação, pós-graduação e cursos de capacitação.

Isso porque, para se formar, o dentista precisa de muitos anos de estudo e prática clínica. Então, na hora de escolher o profissional que vai cuidar de seu sorriso, pergunte sobre o tempo de formação e os cursos que ele fez.

O preço do serviço de um especialista experiente é mais alto do que o de um dentista recém-formado, por motivos óbvios. Então, você deve levar esses pontos em consideração.

Materiais utilizados durante o tratamento

Materiais de qualidade superior, de marcas famosas e importados, custam mais caro. Então, na hora de avaliar o preço do dentista, procure saber qual a matéria-prima utilizada. Isso porque ele vai repassar esse custo para o paciente, caso contrário, não terá lucro.

O valor do tratamento pode ser bem maior para a correção ortodôntica, por exemplo. Se o paciente usar o aparelho fixo metálico, vai pagar bem menos do que se optar por um modelo de safira, pois o aparelho transparente é mais caro para o dentista. Então, ele terá um custo maior para o paciente.

Localização da clínica

O local onde a clínica está localizada também é um fator que influencia no preço do dentista. Um estabelecimento que está no centro da cidade ou em um bairro classe C terá procedimentos menos custosos do que uma clínica em uma região nobre da cidade.

O motivo é que as despesas em uma clínica em um bairro nobre são maiores do que em um estabelecimento em um local menos favorecido. O aluguel é mais caro e a clínica ainda deve oferecer mais conforto, como ar-condicionado na recepção e mimos para os pacientes.

Além disso, o público-alvo de uma clínica situada em um bairro nobre tem um poder aquisitivo alto. Por isso, os preços do dentista que atende nessa região também são diferenciados.

Infraestrutura do local

Há dentistas que montam uma clínica com infraestrutura de ponta para atender melhor aos seus pacientes. Nesse caso, o local tem uma decoração caprichada, móveis confortáveis na sala de espera, TVs etc.

Além disso, se o estabelecimento dispõe de programas específicos para gerenciar a clínica, como softwares para cadastro de pacientes e ferramentas de marketing, o custo será repassado aos pacientes.

Equipamentos novos e confortáveis, que ajudam a melhorar o atendimento e a experiência do paciente, também influenciam no preço do dentista. Quanto melhor for a infraestrutura da clínica, mais caros serão os procedimentos.

Uso de novas tecnologias

A odontologia evoluiu muito nos últimos anos. Entre as inovações, é possível citar:

  • anestesia eletrônica;
  • impressão 3D;
  • escaneamento intraoral;
  • cirurgia guiada;
  • assistentes virtuais;
  • géis para remoção de cáries.

Essas e outras novidades tornam aquele profissional diferenciado dos outros. Para usar esse tipo de tecnologia, o dentista tem que investir um bom dinheiro. Por isso, ele vai cobrar mais caro para fazer um procedimento.

Uma anestesia tradicional feita com seringa e agulha custa menos do que o procedimento eletrônico. Apesar de a segunda opção ser mais confortável para o paciente, ela também vai custar mais caro.

Despesas mensais

Manter uma clínica ou consultório funcionando gera muitos custos para o dentista. São despesas com aluguel, contas de água, luz, telefone, funcionários, laboratório de prótese, infraestrutura etc. Então, um estabelecimento odontológico é uma empresa como outra qualquer e precisa dar lucros para sobreviver.

Para a conta fechar no final do mês, e o profissional conseguir pagar todos os custos do negócio e ainda ter lucro, ele vai cobrar do paciente um preço que dê para manter sua clínica funcionando e ter um salário compatível com o que ele deseja.

Vale ressaltar, mais uma vez, que o preço do dentista não deve ser o fator decisivo na hora de escolher um profissional. Isso porque um bom dentista não vai cobrar barato por seu serviço, pois ele se dedicou por anos para adquirir os conhecimentos que tem hoje.

Então, você deve desconfiar de tratamentos muito baratos, com valores diferentes dos praticados no mercado. Contudo, escolher o dentista mais caro também não é sinal de que você terá acesso a um bom profissional. É preciso analisar uma série de fatores.

Além dos aspectos citados ao longo do post, a reputação da clínica é um fator importante. Na OdontoCompany você conta com excelentes profissionais, das mais diversas áreas. Há um atendimento humanizado e infraestrutura de ponta para atender a toda a família.

Gostou do post e quer conhecer melhor os serviços da OdontoCompany? Entre em contato agora mesmo e converse com a equipe de atendimento!

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.