Agende sua avaliação

Saiba quais os tipos de traumatismo dentário e o que fazer

Tempo de leitura 6 min

Você já ouviu falar em traumatismo dentário? Esse é um assunto importante, muitas vezes negligenciado e que envolve lesões nos dentes devido a uma série de circunstâncias. Em alguns casos, elas podem até causar a perda total da estrutura.

E é claro que você não quer que isso aconteça, não é mesmo? Então, preparamos um conteúdo para explicar tudo o que você precisa saber sobre esse assunto.

Ao longo do texto, vamos explorar o que é traumatismo dentário, quais são as suas causas, os tipos e o que fazer em caso de sua ocorrência. Além disso, vamos mostrar como prevenir essas situações. Boa leitura!

O que é um traumatismo dentário?

O termo “trauma” tem muitos significados, sendo também utilizado quase como um sinônimo para “lesões”.

Ou seja, o traumatismo dentário refere-se a lesões nos dentes, gengivas ou ossos da boca, geralmente causadas por impacto físico. 

Quais são as causas do traumatismo dentário?

Existem diversas causas para essas lesões. Vamos conhecer algumas delas a seguir!

Comer de boca aberta

Comer de boca aberta é um hábito que pode parecer inofensivo, mas pode causar sérios danos aos dentes. Quando mordemos ou mastigamos alimentos dessa forma, aumentamos o risco de impacto direto nos dentes, o que pode resultar em fraturas ou trincas.

Quedas

As quedas são uma causa comum de traumatismo dentário, especialmente em crianças e idosos, ainda que pessoas de todas as idades estejam suscetíveis a passar por esse tipo de situação. Afinal, quando alguém cai de forma desajeitada, é comum bater a boca no chão ou em objetos próximos.

Mordida em alimentos duros

Morder alimentos duros é outra causa comum de traumatismo dentário. Evitar morder objetos, usar os dentes como ferramentas (para abrir coisas, por exemplo) e tomar cuidado ao mastigar alimentos duros pode ajudar a prevenir essas lesões.

Enfraquecimento dos dentes

O enfraquecimento dos dentes devido à cárie não tratada é uma causa significativa de traumatismo dentário. Ela enfraquece a estrutura dos dentes, tornando-os mais suscetíveis a danos. Por isso, devemos manter uma boa higiene bucal, incluindo escovação e uso do fio dental regularmente, além de visitar o dentista para avaliações frequentes.

Pancadas na boca

Pancadas diretas na boca, seja devido a acidentes, quedas, esportes ou agressões, são algumas das causas mais graves de traumatismo dentário. Dependendo da intensidade, essas lesões podem até mesmo causar a perda total dos dentes, fazendo com que a colocação de implantes seja a única saída.

Quais são os tipos de traumatismo dentário?

Existem diferentes tipos de traumatismo dentário. Confira alguns deles a seguir!

Fratura

Ocorre quando um dente se quebra ou trinca. Em casos leves, um reparo simples pode ser suficiente. Fraturas mais graves podem demandar tratamentos mais complexos, como coroas ou implantes.

Avulsão

É o nome dado ao episódio em que um dente é completamente arrancado da boca. Nesse caso, é crucial agir rapidamente para evitar que a região se torne um foco de infecção.

Luxação

Quando o dente é deslocado de sua posição original. O tratamento envolve reposicionar o dente e, em alguns casos, fixá-lo temporariamente. Além disso, há outras abordagens que podem ser implementadas, dependendo de cada caso.

Como prevenir o traumatismo dentário?

A prevenção é sempre a melhor abordagem! Aqui estão algumas dicas para evitar traumatismos dentários.

Use protetores bucais

O uso de protetores bucais é uma medida preventiva fundamental, especialmente para pessoas que praticam esportes de contato ou atividades que apresentam risco de impacto na boca.

Eles são dispositivos feitos sob medida ou moldáveis, confeccionados com material resistente e flexível, que são colocados sobre os dentes para absorver o impacto de possíveis traumas.

Evite o uso dos dentes como ferramentas

O uso dos dentes como ferramentas para abrir embalagens, cortar fios, rasgar fitas adesivas ou realizar qualquer tarefa que não seja a função principal de mastigar alimentos é um hábito que pode causar danos significativos aos dentes.

Importante: esses danos podem ocorrer imediatamente ou no longo prazo. Assim, é possível enfraquecer os dentes de forma progressiva, causando um traumatismo mais lento.

Mantenha a saúde bucal

A manutenção da saúde bucal desempenha um papel crucial na prevenção de traumatismos dentários. Aqui estão algumas dicas para garantir que seus dentes permaneçam fortes e saudáveis:

  • escove os dentes pelo menos duas vezes ao dia, usando preferencialmente uma escova de dentes de cerdas macias;
  • use o fio dental para fazer a limpeza do espaço entre os dentes e perto das gengivas, onde a escova comum não consegue alcançar completamente;
  • evite excesso de açúcar e alimentos muito ácidos;
  • faça visitas regulares ao dentista para exames de rotina e limpezas.

Como fazer a prevenção do traumatismo em crianças?

Agora, é hora de falarmos sobre a prevenção do traumatismo dentário em crianças! Vamos lá?

Evite deixar os pequenos sozinhos

Uma dica é evitar deixar que as crianças fiquem sozinhas, especialmente as menores. A supervisão é uma forma de antever possíveis acidentes.

Deixe que as crianças brinquem em partes mais baixas

Quando estamos falando de crianças menores, outra possibilidade de prevenção está na permissão de brincar em locais mais baixos. Por exemplo: melhor brincar em um tapete do que em cima da cama.

Tenha atenção à idade recomendada para cada brinquedo

Compre apenas brinquedos que sejam indicados para a faixa etária da sua criança. Isso evita não só acidentes mais graves envolvendo a aspiração e outras coisas, mas também minimiza os riscos de mordeduras em objetos mais duros.

Apesar de tudo isso, é possível que as crianças se machuquem, mesmo com todo o cuidado. E isso é algo natural, já que são curiosas, brincalhonas e cheias de coragem, mas podemos tentar minimizar as chances de algo acontecer!

Por que buscar atendimento imediato?

Lesões nos dentes podem ser mais graves do que parecem inicialmente. Mesmo pequenas fraturas ou trincas podem levar a problemas mais sérios se não forem tratadas adequadamente.

Em muitos casos, se a ação for rápida o suficiente, é possível preservar os dentes danificados. Além disso, o profissional pode fazer o controle da dor e reduzir as chances de infecção quando você é atendido rapidamente.

Ou seja, ao buscar atendimento imediato, você pode prevenir complicações futuras e melhorar as suas chances de preservar o dente ou de recolocá-lo com mais segurança.

Como vimos, o traumatismo dentário é uma questão séria, que pode ocorrer devido a várias causas. Não se esqueça de sempre buscar ajuda profissional caso ocorra um acidente do tipo, garantindo o melhor tratamento possível para preservar seu sorriso.

Já que estamos falando sobre tratamentos, aproveite para conferir os detalhes sobre as principais cirurgias odontológicas! Afinal, informação nunca é demais.

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.