Agende sua avaliação

Quando devo trocar a escova de dente?

Tempo de leitura 3 min

A importância de escovar os dentes para a saúde bucal é um fato bastante conhecido. No entanto, para que essa escovação seja realmente eficiente, é necessário garantir a qualidade dos produtos utilizados durante a limpeza. Por isso, uma dúvida que surge muito é “quando devo trocar a escova de dente?”.

As escovas têm vida útil. A cada escovação, as cerdas macias desfiam um pouco e, com o tempo, ficam mais largas nas pontas. Esse rompimento das fibras facilita o acúmulo de bactérias e fungos presentes na boca e no próprio banheiro.

Além disso, o desalinhamento das cerdas prejudica a higienização dos dentes nas áreas próximas à gengiva.

Continue a leitura deste post e descubra os problemas que surgem com o desgaste de uma escova mal conservada, a hora certa para o produto e como garantir a eficiência desse acessório durante o uso.

Por que é importante trocar sua escova dental com frequência?

Confira os principais problemas bucais que podem prejudicar sua saúde com o uso de um produto com as cerdas desgastadas:

  • acúmulo de tártaro e placa bacteriana;
  • mau hálito;
  • surgimento de cáries;
  • doenças na gengiva, como periodontite e gengivite;
  • saburra lingual, uma camada esbranquiçada formada pelo acúmulo de fungos e bactérias na língua.

Quando devo trocar a escova de dente?

Os dentistas recomendam que a escova de dentes seja trocada a cada três meses de uso. Isso é necessário porque, como mencionamos, esse produto também tem vida útil e vai perdendo eficiência ao longo do tempo.

No caso das escovas que não são utilizadas com tanta frequência, como aquelas que ficam reservadas para viagens, a recomendação é de trocá-las a cada seis meses.

Mas é importante destacar que essa é apenas uma estimativa de troca e o período de substituição da escova dental pode variar de acordo com o paciente. Aquelas pessoas que escovam os dentes com muita força deformam as cerdas mais rapidamente, por exemplo.

agendamento

Além disso, as crianças também podem necessitar de uma troca antes dos três meses, já que elas costumam mastigar a cabeça da escova e roer o cabo. A troca imediata é necessária, ainda, nos casos em que outra pessoa usa sua escova de dente por engano.

Por fim, é preciso trocar a escova após doenças, como dor de garganta, resfriado, gripe ou infecção na boca. Já que os agentes causadores dessas doenças podem se esconder na escova, provocando uma reinfecção.

Ademais, qualquer outra alteração nas cerdas ou acúmulo de resíduo na base do produto são outros dois indícios da necessidade de uma nova escova.

Como cuidar da sua escova de dente?

Para garantir a eficiência do produto ao longo desses 3 meses, é preciso se atentar a alguns cuidados de conservação. Após a higiene bucal, não se esqueça de lavar a escova em água corrente.

O uso de enxaguantes bucais ou água quente para higienizar as cerdas pode, na verdade, danificá-las. Para retirar o excesso de água, dê pequenas batidas no cabo da escova.

Ainda, o ideal é armazená-la em pé, em um porta-escova e longe de espaços úmidos, da lixeira ou do vaso sanitário. Por fim, nunca deixe uma escova próxima da outra, para evitar a troca de bactérias.

Para as escovas que ficam armazenadas em bolsas, use uma caixa plástica para proteger as cerdas e não se esqueça de secar o produto após a escovação.

Alguns modelos de escova vêm com marcações nas cerdas que facilitam a hora certa de substituir o produto por um novo. Assim, você não precisa se perguntar “quando devo trocar a escova de dente?”. Se esse não for seu caso, fique de olho no desgaste do produto.

Quer ajudar outras pessoas a aprenderem um pouco mais sobre a durabilidade e eficiência das escovas de dente? Então, compartilhe esse artigo em suas redes sociais.

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.