Agende sua avaliação
restauração do dente

Você conhece os tipos de restauração de dente? Veja como escolher!

Tempo de leitura 3 min

A restauração dentária é uma estratégia muito importante para a saúde e funcionalidade do sorriso. Vamos saber mais sobre ela?

Por muitos anos, perder ou quebrar um dente era equivalente a receber uma sentença de que aquela estrutura “já era”. O surgimento de uma cárie também não era algo nada bom. Felizmente, com o avanço da Odontologia, a situação hoje é bem diferente.

Atualmente, temos as chamadas restaurações dentárias, procedimentos que fazem parte do ramo da Dentística. Elas têm o objetivo de recuperar o dente danificado, evitando a sua perda e melhorando a qualidade de vida do paciente.

Mas, afinal, quais são os tipos de restauração de dente? Confira alguns dos mais importantes a seguir e saiba como eles funcionam na prática.

Boa leitura!

Quais são os tipos de restauração de dente?

Primeiro, vamos descobrir quais são os tipos de restauração de dente e saber mais sobre cada um.

Confira!

Direta

Restauração direta é aquela feita quando o dano causado ao dente não é tão complexo. Nesse caso, o material é colocado diretamente na superfície do dente.

Indireta

A restauração indireta, por sua vez, é recomendada quando os danos são mais extensos. Ela é usada, por exemplo, após tratamentos de canal e envolve o uso de uma “prótese” personalizada para aquele dente.

Quais são os materiais utilizados?

Agora, é hora de descobrirmos os materiais usados nas restaurações!

Resina composta

Esse é o material mais popularmente utilizado nas restaurações. Isso porque, é adaptável ao formato da lesão, seguro, traz um resultado bonito, tem boa durabilidade e um ótimo custo-benefício.

Amálgama

É a restauração feita a partir de uma liga metálica, muito comum em obturações mais antigas. Se você já viu alguém com aquele material cinzento na região dos dentes, trata-se de uma restauração feita com amálgama.

É um material barato e muito resistente, mas que deixa a desejar no quesito estético.

Porcelana

As restaurações de porcelana são seguras e resistentes. No entanto, o seu grande destaque não é nenhuma das duas características, e sim o seu aspecto estético. Elas se assemelham muito ao dente real, deixando o resultado muito bonito, natural e sutil.

Cerômero

É uma espécie de mistura entre a porcelana e a resina, trazendo benefícios dos dois tipos de tratamento, mas com um custo relativamente menor.

Quando essas restaurações devem ser feitas?

A recomendação da realização de restaurações acontece quando o paciente tem qualquer tipo de dano à estrutura do dente.

Assim, a presença de cáries e de traumas — quedas, pancadas, entre outros — são alguns dos motivos que podem levá-lo a fazer uma restauração.

Qual é o tipo de restauração de dente indicado para mim?

Não há uma resposta para essa pergunta.

A recomendação da restauração ideal deverá ser feita apenas por um dentista qualificado, após a análise do seu caso. Essas indicações são personalizadas!

Agora que você já sabe quais são os tipos de restauração de dente e como elas funcionam, é hora de agendar uma consulta com um profissional qualificado e verificar se há a necessidade de realizar o procedimento.

Para que mais pessoas tenham essa inspiração, compartilhe o artigo em suas redes sociais e espalhe as informações obtidas no conteúdo! Agende sua avaliação na OdontoCompany mais próxima de você!

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.