Agende sua avaliação

Estou com dormência na língua, devo me preocupar?

Tempo de leitura 6 min

A sensação de dormência na língua pode ser desconfortável e preocupante para muitas pessoas. É uma experiência que pode variar de leve formigamento a completa insensibilidade na língua.

Mas o que causa essa dormência e quando você deve se preocupar? Neste artigo, exploraremos as possíveis causas da dormência na língua e discutiremos a importância de buscar ajuda de um especialista quando necessário e outras informações relevantes.

Acompanhe o material e aprenda conosco!

O que é a dormência na língua?

A dormência na língua é uma sensação anormal na qual você perde temporariamente a sensibilidade ou o controle sobre a língua. Isso pode se manifestar como uma sensação de formigamento, picadas, queimação ou simplesmente a sensação de que sua língua está “adormecida”.

É importante notar que a dormência na língua não é uma condição em si, mas sim um sintoma de outra problemática. A seguir, você descobre mais sobre o que pode estar causando dormência na sua língua e entender a gravidade dessa situação.

Quais são as possíveis causas da dormência na língua?

Há várias razões pelas quais você pode experimentar dormência na língua. Entender sobre esses pontos é importante para que você possa tomar as medidas adequadas e saber quando é necessário contar com uma ajuda médica especializada.

Acompanhe os próximos pontos para observar algumas das causas mais comuns da dormência na língua!

Infecção

Infecções na boca, como uma infecção fúngica (candidíase oral) ou infecções virais, podem causar dormência na língua. A inflamação associada à infecção pode afetar os nervos na língua, levando à perda temporária de sensação.

Lesão

Uma lesão direta na língua devido a mordidas, queimaduras ou trauma físico pode resultar em dormência temporária. Isso ocorre porque a língua é uma região supersensível do corpo e pode ser facilmente ferida.

Alergia alimentar

Uma reação alérgica a alimentos, como frutos do mar, nozes ou outros alérgenos, pode levar à dormência na língua, juntamente aos outros sintomas alérgicos, como inchaço e dificuldade respiratória.

Estresse

O estresse crônico pode causar uma variedade de sintomas físicos e emocionais, incluindo dormência na língua. O estresse prolongado pode afetar a circulação sanguínea e os nervos na língua, resultando nessa sensação.

Paralisia facial

A paralisia facial, que pode ser causada por uma variedade de fatores, como infecções virais ou lesões nervosas, pode afetar os músculos da língua e levar à dormência da região.

Doença cardiovascular

Alguns problemas de saúde cardiovascular, como a hipertensão arterial, podem afetar a circulação sanguínea para a língua, resultando em dormência. A língua, assim como qualquer outra parte do corpo, depende de um suprimento adequado de sangue para funcionar corretamente.

Deficiência de vitamina B

A deficiência de vitaminas do complexo B, especialmente a vitamina B12, pode causar dormência na língua, entre outros sintomas. As vitaminas do complexo B são essenciais para o funcionamento saudável dos nervos e desempenham um papel crucial na manutenção do sistema nervoso central.

Outras causas

Além das causas mencionadas anteriormente, existem outras condições menos comuns que podem estar relacionadas à dormência na língua. Entre elas:

  • neuropatia periférica — esta é uma condição em que os nervos periféricos no corpo não funcionam adequadamente. Pode afetar a sensação na língua, bem como em outras partes do corpo;
  • distúrbios neurológicos — algumas doenças neurológicas, como a esclerose múltipla, podem causar dormência na língua como um dos sintomas;
  • efeitos colaterais de medicamentos: alguns medicamentos podem causar efeitos colaterais, incluindo dormência na língua. Se você suspeita que um medicamento que está tomando pode ser a causa, consulte o seu médico para discutir alternativas.

Devo me preocupar com a dormência na língua?

A resposta depende do que está causando a dormência na língua e também da gravidade dos sintomas. Em muitos casos, a dormência na língua é temporária e não representa uma preocupação séria.

Por exemplo, se você mordeu a língua acidentalmente ou está enfrentando um episódio leve de estresse, a dormência geralmente desaparecerá por conta própria.

No entanto, se a dormência na língua for persistente, severa, acompanhada por outros sintomas preocupantes, ou ainda se você não souber a causa, é importante buscar a ajuda de um profissional de saúde.

Separamos alguns sinais de alerta que indicam que você deve procurar assistência médica em caso de dormência na língua. Observe:

  • dormência que dura mais de algumas horas;
  • dormência que afeta a capacidade de falar, engolir ou respirar;
  • dormência acompanhada de inchaço ou vermelhidão na língua;
  • dormência que ocorre após uma lesão grave na cabeça ou no pescoço;
  • dormência que ocorre junto aos outros sintomas, como dificuldade em mover os músculos faciais ou uma erupção cutânea.

O que fazer se você está com dormência na língua?

Se você está experimentando dormência na língua e não sabe a causa, é aconselhável procurar um médico ou especialista. O profissional de saúde realizará uma avaliação completa, incluindo perguntas sobre seus sintomas, histórico médico e exame físico, para determinar a causa da dormência na região.

O tratamento para alívio desse sintoma na língua depende, exclusivamente, do que o está provocando. Veja alguns exemplos para esclarecer a dúvida de “como tratar a dormência na língua?”:

  • se a causa for uma infecção, o especialista pode indicar remédios antifúngicos ou antibióticos para tratar a infecção;
  • em casos de alergia alimentar, evitar o alimento desencadeante é fundamental, e o médico pode prescrever medicamentos para aliviar os sintomas alérgicos;
  • se a dormência for devido ao estresse, técnicas de gestão de estresse, como meditação ou terapia, podem ser recomendadas;
  • para casos de deficiência de vitamina B, a suplementação com vitaminas pode ser prescrita.

Em alguns casos mais graves, como paralisia facial ou doenças cardiovasculares, o tratamento pode ser mais complexo e pode envolver a colaboração de diferentes especialistas médicos.

A dormência na língua pode ser desconfortável e preocupante, mas nem sempre é motivo para pânico. Como vimos ao longo desta leitura, é muito importante avaliar a causa subjacente da dormência e determinar se é necessário tratamento.

Lembre-se de que, se você estiver enfrentando uma dormência na língua persistente, severa ou acompanhada de outros sintomas preocupantes, como os citados na lista apresentada anteriormente, é fundamental buscar ajuda médica adequada.

Que tal dar continuidade no seu processo de conhecimento sobre problemas na língua e suas causas? Separamos um post super completo sobre o assunto para você. Continue a leitura!

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.