Sentindo dor em dente com canal? Descubra o que fazer!

Tempo de leitura 5 min

Muitas vezes, acontece de o paciente sentir dor em dente com canal. Para quem não sabe, o tratamento de canal é um procedimento que remove a polpa do dente, limpa o espaço e preenche o local com material específico.

O tratamento é indicado quando a polpa do dente é danificada devido a uma cárie profunda ou por algum tipo de trauma. Nesses casos, a polpa dentária fica infeccionada e o canal é a melhor solução para salvar o dente do paciente.

No entanto, algumas pessoas sentem dor mesmo depois de fazer o tratamento de canal. Isso é normal? Por que acontece? Vou responder a essas e outras perguntas ao longo deste post, mas, primeiro, entenda quando é necessário recorrer ao canal.

Quando um tratamento de canal é necessário?

O tratamento de canal é necessário quando a polpa do dente foi danificada por uma cárie profunda, trauma ou quando o dente sofre uma fratura. Nesses casos, o tecido fica infeccionado ou morre e, se o tratamento não for realizado, pode-se formar um abscesso na raiz dentária, destruindo o osso que circunda o dente e causando fortes dores ao paciente.

Além disso, quando o tratamento de canal não é feito, o paciente corre o risco de sofrer com abscessos mais graves e cistos dentro do osso, edema e a reabsorção óssea. Outra consequência é que a infecção pode entrar na corrente sanguínea e atingir outros órgãos do corpo humano.

Quando o quadro evolui muito e o tratamento de canal já não é suficiente, a única solução é a extração do dente. Claro que há opções de tratamento para a perda dentária, mas a função da odontologia é manter os dentes naturais do paciente. A extração só é feita em último caso, quando não há alternativa.

Quando ocorre dor em dente com canal?

O tratamento de canal é um procedimento delicado e, por isso, é comum que o paciente sinta dores após o procedimento. Claro que isso não acontece em todos os casos, mas, quando há o risco, o dentista prescreve os medicamentos necessários para diminuir o desconforto.

As dores após o procedimento são mais comuns em pacientes que estavam com um quadro de infecção grave. Nesses casos, os incômodos acontecem quando a pessoa consome alimentos quentes ou gelados, pois o local ainda está sensível. No entanto, esse desconforto deve passar em alguns dias.

Há outras fatores que contribuem com o quadro de dores pós-tratamento. Veja quais são eles:

  • a infecção atingiu os tecidos periodontais e ósseos, responsáveis por sustentar o dente;
  • o dente apresenta alguma fratura ou trinca que não foi visualizada pelo dentista antes do tratamento. Nesses casos, o dano é quase imperceptível: não pode ser visto por meio de exames normais e precisa de um exame mais sofisticado;
  • canal secundário, ou seja, o dente tem uma anatomia diferenciada e o dentista não consegue visualizar esse canal e fecha o dente sem tratar essa parte;
  • um instrumento quebra dentro do canal — isso é raro, mas pode acontecer;
  • quando acidentalmente, o material obturador ultrapassa o final do canal e atinge os tecidos periodontais. Nesses casos, a dor passa em uma semana;
  • restaurações mal feitas, pois, quando isso ocorre, o paciente morde de forma incorreta, gerando uma sobrecarga na estrutura dentária.

O que fazer quando sentir dor depois do tratamento de canal?

Caso a dor em dente com canal não passe com o uso de medicamentos, o paciente deve procurar o dentista. Então, o profissional vai investigar os motivos e tomar as devidas providências para que o problema seja resolvido.

Powered by Rock Convert

Dependendo do caso, o tratamento deve ser feito novamente. No entanto, quando isso é necessário, o índice de sucesso é mais baixo. Isso porque o procedimento altera naturalmente o dente, e a cicatrização depois de uma segunda cirurgia pode ser mais difícil.

Por isso, mesmo que o paciente sinta dor após o tratamento de canal, é importante que ele aguarde um certo período para ver se os sintomas realmente não vão desaparecer.

Vale ressaltar que o tratamento de canal é complexo e exige que o dentista seja especialista em endodontia. Então, na hora de procurar um profissional para cuidar de sua saúde bucal, informe-se sobre suas especializações.

Quais cuidados devem ser tomados para a manutenção do canal?

Muitos pacientes pensam que após o tratamento de canal não é necessário cuidar do dente, pois não há o risco de cáries após o procedimento. Bem, isso é verdade, já que o nervo do dente foi retirado. No entanto, os cuidados com a higiene bucal devem ser mantidos.

Logo após o tratamento, é necessário tomar algumas precauções, inclusive para evitar dores e desconforto. É importante escovar os dentes sempre após as refeições, mesmo que esteja sentindo um pouco de dor.

Além disso, o paciente deve evitar mastigar no local onde o canal foi tratado, pois, dessa forma, a reabilitação é mais rápida e as dores são evitadas. Alimentos duros e pegajosos devem ser evitados logo após o procedimento.

O paciente ainda deve evitar alimentos muito quentes ou gelados. O período de repouso também deve ser seguido, então, se o dentista orientar você a ficar afastado do trabalho e de algumas atividades no dia do tratamento, siga as instruções do profissional.

Após o período de recuperação, o paciente pode voltar a ter uma alimentação normal, mas não deve descuidar de sua saúde bucal. É importante evitar morder objetos duros e abrir tampas com a boca, pois isso pode danificar não só o dente com canal, mas os dentes saudáveis.

Como você viu, a dor em dente com canal pode ocorrer por diversos motivos, inclusive se o paciente não seguir as orientações do dentista em relação aos cuidados após o tratamento. Nesses casos, há presença de dores, inchaço e até mesmo hematomas na região que foi operada são exemplos de reações que podem ocorrer.

Gostou do post e precisa de profissionais especializados para cuidar de sua saúde bucal? Então entre em contato! Conheça uma equipe altamente qualificada, que atende a todas as especialidades odontológicas.

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.