Ortodontia

Conheça os 6 principais erros cometidos na limpeza do aparelho fixo

fevereiro 7, 2019
Tempo de leitura 3 min

ortodontia garante resultados incríveis, ao deixar os dentes alinhados e transformar o sorriso. Porém, para o tratamento ter sucesso, é fundamental a cooperação do paciente, principalmente com a limpeza de aparelho fixo.

Sabemos que não é uma escovação fácil, afinal os braquetes, arcos e fios acabam dificultando todo o processo. Mas não tem jeito: é preciso disciplina para garantir que você retirou todos os restos de alimentos e, assim, evitar problemas bucais, como cárie e gengivite.

Neste post, vamos mostrar os 6 principais erros cometidos na hora da higienização com o aparelho. Fique atento!

1. Ter pressa

O principal erro na limpeza do aparelho fixo é ter pressa. Não dá para fazer a escovação correndo, pois você precisa higienizar cada cantinho com atenção.

Então, dedique um tempo para escovar bem os dentes após as refeições e, principalmente, antes de dormir. Assim, ao final do tratamento, você terá um sorriso bonito e saudável.

2. Não passar o fio dental corretamente

Todo mundo precisa ter o hábito de passar o fio dental, porém essa regra ganha mais importância para quem faz tratamento ortodôntico.

Somente o fio dental vai retirar os restos de alimentos de lugares onde a escova não chega, como as laterais dos dentes e regiões mais inacessíveis da gengiva.

Para facilitar, utilize o passa-fio, uma agulha plástica que auxilia a passagem do fio entre os dispositivos do aparelho.

3. Não utilizar a escova correta

Você pode fazer a limpeza geral do aparelho com uma escova comum, de preferência com cabeça pequena e cerdas macias. Faça movimentos suaves na parte de cima e abaixo dos braquetes.

Mas, para completar, é importante fazer uso da escova interdental, que conta com cabeça pequena e cerdas cilíndricas e, desse modo, auxilia bastante na higienização entre as peças do aparelho.

4. Não trocar a escova periodicamente

Para que sua escova seja eficiente na limpeza é fundamental a troca periódica. Fique atento quando o item estiver com as cerdas gastas ou caso complete 3 meses de uso.

5. Não fazer bochecho após a escovação

O uso de enxaguantes bucais pode ajudar a dar aquela caprichada na limpeza do aparelho fixo. Porém, ele não substitui a escovação completa.

Escolha um item sem álcool para não agredir gengivas e bochechas e utilize-o uma vez ao dia. Uma boa dica é escolher composições com flúor, para proteger sua boca das bactérias que causam a placa bacteriana e cárie. Na dúvida, peça orientação ao seu ortodontista.

6. Não escovar a língua

A língua também retém restos de alimentos e, por isso, deve ser higienizada. Você pode utilizar a escova de dente convencional ou um limpador lingual, peça plástica encontrada em farmácias.

Agora você já sabe os principais erros na hora de fazer a limpeza do aparelho fixo. É um momento que exige paciência, mas que vai valer a pena. As visitas periódicas ao ortodontista também são úteis para a realização da profilaxia, garantindo dentes mais limpos, polidos e brilhantes.

Falando em como deixar os dentes mais alinhados e o sorriso perfeito, descubra qual é a duração do tratamento ortodôntico!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário