Agende sua avaliação
boca salivando muito

Boca salivando muito, o que pode ser? Descubra agora!

Tempo de leitura 3 min

Muitos pacientes têm esta mesma dúvida quando chegam ao consultório odontológico: “boca salivando muito, o que pode ser?” Para responder à questão, este conteúdo reúne as principais causas para o fenômeno que extrapola a função da salivação no corpo — lubrificação da cavidade oral — e pode indicar sérios problemas na boca e em outras partes do organismo.

Aqui, você entenderá porque o excesso de salivação é preocupante e descobrirá quais são as possíveis causas do problema, desde a má oclusão — problema na mastigação — até o refluxo gastroesofágico, passando por medicamentos anticonvulsivos, infecções e doenças neuromusculares.

Continue a leitura e aprenda mais sobre o tema!

Por que prestar atenção ao excesso de salivação?

É verdade que a saliva tem uma importante função no organismo, pois mantém a boca lubrificada e evita a proliferação de bactérias na cavidade oral, exercendo um combate crucial à ocorrência de cárie, por exemplo.

No entanto, o paciente deve ficar atento quando ocorre excesso de salivação, já que o líquido viscoso secretado pelas glândulas salivares pode indicar, também, doenças na boca e em outros órgãos do corpo.

Quais são as principais causas da salivação em excesso?

Até aqui, vimos que o excesso de salivação é alarmante. Mas quais são as principais causas do problema? Descubra!

Má oclusão dentária

A má oclusão ocorre quando existe desalinho entre os dentes, fenômeno observado, principalmente, pelo desencaixe na arcada superior em relação à inferior.

Além de causar o desgaste dentário, provocar dor de cabeça e dificultar a articulação da mandíbula, a disfunção impacta fortemente a produção de saliva pelo organismo.

Refluxo gastroesofágico

Salivação excessiva, queimação no estômago e má digestão são os principais sinais de refluxo gastroesofágico, doença que se caracteriza pelo retorno do líquido estomacal para a região do esôfago, da laringe e da boca.

Doenças neuromusculares

As doenças neuromusculares podem ter origem hereditária ou ser adquiridas pelo paciente ao longo da vida, afetando fortemente o sistema nervoso, que passa a ter dificuldade para transmitir informações de movimento pela medula, pelos nervos e pelos músculos do corpo.

Nesse sentido, um sintoma que pode indicar essas enfermidades é o excesso de salivação.

Infecções

O excesso de salivação pode indicar, também, que o corpo humano está sofrendo com alguma infecção — cárie, gengivite, periodontite, entre outras — já que o líquido corresponde a uma defesa do organismo no combate aos micro-organismos.

Medicamentos

Por fim, alguns medicamentos, a exemplo de anticonvulsivos e tranquilizantes, podem incitar a produção excessiva de saliva. O mesmo efeito é notado quando o corpo se expõe a toxinas, como o mercúrio, impactando a salivação do paciente.

Pronto, agora respondemos à dúvida: “boca salivando muito, o que pode ser”? Em todo caso, é necessário prestar sempre atenção aos sinais do corpo e procurar, caso note excesso de salivação, um cirurgião-dentista, para avaliar o quadro de maneira personalizada, já que o sintoma está associado a diversas causas no organismo.

Gostou do conteúdo? Se sim, continue se informando sobre condições que prejudicam a saúde bucal. Veja, agora, o que causa sangramento na gengiva!

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.