Afinal, existe rejeição de implante dentário? Entenda mais neste post!

Tempo de leitura 3 min

Nos últimos anos, a odontologia desenvolveu ótimos tratamentos tecnológicos para quem tem perda dental e sofre com os efeitos negativos dessa disfunção. Mas muitos pacientes chegam com a mesma dúvida ao consultório: existe rejeição de implante dentário? Para responder à questão, este texto explica o que é a técnica e por que não há possibilidade de o organismo rejeitar a implantação.

Além disso, entenda que cuidados são necessários para não ter complicações no pós-operatório (como manter higiene bucal, evitar alimentos de consistência dura e fazer compressas na área). Por fim, saiba qual a importância do dentista para a eficiência do procedimento. Comece a leitura agora mesmo e tire todas as dúvidas sobre o assunto!

O que é o implante dentário?

Antes de tudo, saiba que o implante dentário é um tratamento para substituir raízes dentárias e trazer equilíbrio oral para pacientes com perda dental. A estrutura é feita em titânio e dá suporte ao osso maxilar, que recebe uma nova dentição. A implantação pode ser do tipo ósseo integrado, protocolo ou overdenture, a depender do problema identificado pelo dentista.

O organismo pode rejeitar o implante dentário?

Não passa de um mito a informação de que o corpo rejeita o implante dentário. Na verdade, o paciente não corre esse risco devido à estrutura fabricada em titânio, material totalmente inerte e que é responsável pela alta taxa de tratamentos bem-sucedidos.

No entanto, podem ocorrer falhas na cirurgia e no pós-operatório, principalmente por causa da osseointegração da estrutura pelo maxilar. No Brasil, o número de insucesso com o procedimento não chega a 10%, apesar de a ciência desconhecer os motivos de a técnica, nesses casos, não apresentar bom desempenho.

Ainda assim, se houver falha na cirurgia, o dentista pode fazer a instalação de uma nova peça na região. Mantendo o planejamento e o protocolo, não é significativa a possibilidade de falha no segundo procedimento cirúrgico.

Powered by Rock Convert

Quais cuidados você deve ter após o implante?

Para manter a saúde da boca é necessário higienizar a área corretamente. E os hábitos de escovar os dentes três vezes ao dia e de passar fio dental devem continuar após a cirurgia. Se possível, a indicação dos dentistas são escovas interdentais, que limpam a área em volta da implantação, removendo possíveis restos de alimentos e mantendo as funções e a estética bucais.

Por outro lado, é preciso ter cautela ao consumir alimentos duros. A textura pode danificar o tratamento e, até mesmo, comprometer a dentição natural. No pós-operatório, evite produtos com essa característica para não ter imprevistos e faça compressas no local para aliviar o incômodo.

Por que acompanhamento clínico importa no tratamento?

O dentista é o profissional responsável pela saúde bucal e está envolvido desde o exame clínico até o diagnóstico, passando pela cirurgia e pelos cuidados com o pós-operatório.

Um experiente implantodontista, com especialização odontológica para reabilitação oral por meio de prótese, e uma excelente clínica farão a diferença para o seu tratamento ser o mais adequado.

Neste conteúdo, você entendeu o que são implantes dentários, estruturas fixadas no osso maxilar para substituir um ou vários dentes. Fora isso, entendeu por que o tratamento não corre o risco de ser rejeitado pelo organismo, uma vez que o titânio é facilmente integrado à parte óssea, promovendo a reabilitação oral tão desejada para voltar a sorrir!

Gostou deste post desmistificando por que não existe rejeição de implante dentário e que cuidados adotar para ter sucesso após a cirurgia, não é? Agora, assine a newsletter do blog e não perca nenhuma informação sobre saúde bucal!

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

5 Comentários

  1. Tenho perca óssea estou querendo fazer implantes

    1. Olá, Elaine! Tudo bem? Provavelmente você precisaria fazer enxerto ósseo. Mas de qualquer maneira é necessário realizar uma avaliação para termos certeza sobre o seu caso. Procure uma de nossas unidades no link: https://odontocompany.com/clinicas.

  2. Tenha perda óssea na parte superior, ainda seria possível fazer um implante?

    1. Olá, Isabel. Como vai? Assim como disse para a Elaine, no comentário acima, provavelmente seria necessário um procedimento de enxerto ósseo para possibilitar o implante. Mas de qualquer maneira, procure uma de nossas unidades para avaliarmos direitinho o seu caso: https://odontocompany.com/clinicas.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.